Você está aqui: Página Inicial / CÂMARA DE LEOPOLDINA ENCAMINHA OFÍCIO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA COBRANDO INVESTIMENTOS NA RODOVIA BR 116

CÂMARA DE LEOPOLDINA ENCAMINHA OFÍCIO À PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA COBRANDO INVESTIMENTOS NA RODOVIA BR 116

O documento, assinado pelos quinze vereadores, considera inadiável a intervenção do Governo Federal na BR 116, com a realização de investimentos que impeçam a ocorrência de novas tragédias no local.

Um grave acidente ocorrido no final da noite de sábado, 2 de outubro de 2021, na Serra da Vileta, localizada em Leopoldina, causou enorme comoção popular. Um ônibus da empresa Gontijo, que seguia do município de Barra do Rocha, em São Paulo, com destino à Ubatá, na Bahia, com 52 passageiros, saiu da pista na altura do Km 776 da Rodovia BR 116 e caiu numa ribanceira de aproximadamente 150 metros. O acidente deixou quatro pessoas mortas, três mulheres e uma criança, e mais de quarenta feridos que foram atendidos na Casa de Caridade Leopoldinense.

A ocorrência dessa tragédia revigorou as discussões em torno da grave situação em que se encontra a Rodovia BR 116 (Rio-Bahia) no trecho em Minas Gerais que atravessa o município de Leopoldina, do Km 773 (próximo ao Trevo da BR 116 com a BR 267) ao Km 784 (próximo ao local conhecido como Bica D’água). Há vários anos, este trecho tem sido cenário de graves acidentes envolvendo veículos de passeio, de transporte de carga e de passageiros, amplamente noticiados pela imprensa local e nacional.

A discussão sobre este tema emergiu durante sessão ordinária da Câmara Municipal de Leopoldina, realizada na segunda-feira, dia 03 de outubro de 2021. Numa iniciativa do Presidente da Casa, vereador José Augusto Cabral, foi apresentada a proposta de elaboração de um ofício da Presidência do Legislativo, assinado pelos 15 vereadores e vereadoras, direcionado ao Presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, com cópia ao Sr. Ministro da Infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas e a todos os representantes da Bancada Mineira no Congresso Nacional. O objetivo do documento é levar ao conhecimento das autoridades a grave situação em que se encontra a Rodovia BR 116, no trecho que corta o município de Leopoldina.

O documento destaca que a situação relacionada a acidentes nessa extensão da rodovia tem se agravado nos últimos meses e que incessantemente o governo federal vem sendo cobrado a realizar investimentos na referida rodovia através de colocação de radares, redutores de velocidade, sonorizadores, nova sinalização, pinturas de faixas e outras iniciativas que promovam a melhoria das condições de segurança para condutores de veículos.

O ofício ressalta, ainda, o grande número de acidentes registrados no trecho, inclusive envolvendo veículos transportando cargas tóxicas que atingiram o curso d’água responsável pelo abastecimento na cidade de Leopoldina, prejudicando milhares de pessoas, sem que nenhuma obra tenha sido realizada às margens da rodovia para assegurar a continuidade e a qualidade do abastecimento de água do município.

José Augusto Cabral esclarece às autoridades que as intervenções mencionadas neste documento não foram feitas, resultando na continuidade dos registros de acidentes, gerando justificável insatisfação e indignação da população, além de muita dor para as pessoas que perderam seus entes queridos nos inúmeros acidentes rodoviários registrados na rodovia.

Por fim, a intervenção do Governo Federal é colocada como inadiável, pois uma região tão tradicional e importante na conjuntura estadual e nacional como é a Zona da Mata Mineira, e mesmo que não o fosse, merece a atenção do Governo Federal no sentido de solucionar essa injustiça que parece não ter fim, vivenciada diuturnamente por todos os brasileiros e brasileiras que se transformam em testemunhas ou personagens de tragédias, como a ocorrida recentemente.

José Augusto Cabral encerra o documento apelando para a sensibilidade do Governo Federal para resolver um problema dessa envergadura, que envolve milhares de pessoas que transitam diariamente pela BR 116, o que potencializa a possibilidade de ocorrência de acidentes e de aumento das estatísticas trágicas do número de vidas que já se perderam neste trecho da rodovia.

Após a leitura do documento, a discussão sobre o tema ocupou boa parte da reunião, com os vereadores se revezando em pronunciamentos em apoio ao encaminhamento da reivindicação ao Governo Federal e também de indignação em virtude da ausência de investimentos que poderiam ter evitado a perda de várias vidas. Foi consenso entre todos que é preciso tomar providências para dar um basta nesta triste realidade que a todos envergonha, aflige e indigna. Em seguida, os parlamentares registraram suas assinaturas no documento.

error while rendering plone.comments
Transparência

Mídias Sociais

Parlamento Jovem

TV Câmara

Posto de Identificação

Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo